Fábrica de baterias do Galaxy Note 7 pega fogo na China

Fábrica das baterias de Galaxy Note 7 que explodiam pega fogo na China

Fábrica das baterias de Galaxy Note 7 que explodiam pega fogo na China

O fogo, que foi descrito como uma "pequena ocorrência", precisou, no entanto, de 110 bombeiros e 19 camiões para ser controlado. Isso porque a fábrica responsável por produzir as baterias do celular, que apresentaram problemas e muitas delas explodiram, sofreu com um incêndio, na China. De acordo com a companhia, o incêndio foi causado por algumas baterias defeituosas e outros resíduos presentes no local.

Mesmo assim, imagens publicadas no Twitter mostram que o incêndio podia ser visualizado de muito longe, principalmente pela fumaça preta que tomou conta da região.

O incêndio deflagrou na fábrica de Tianjin, esta quarta-feira e foi entretanto extinto, disse um porta-voz da Sansung, acrescentando que do incidente não resultou qualquer ferido e que o fogo não teve impacto significativo nas operações da fábrica.

Recentemente, a Samsung SDI anunciou um investimento de cerca de US$130 milhões para assegurar a qualidade e a segurança das baterias fabricadas em suas instalações e possivelmente a empresa deverá seguir como principal fornecedora de unidades para a próxima geração de dispositivos da Samsung.