Ex de Luiza Brunet será julgado nesta segunda-feira

YouTube  Notícia Dos Famosos  Reprodução e Instagram  luizabrunet  Reprodução

YouTube Notícia Dos Famosos Reprodução e Instagram luizabrunet Reprodução

O suposto caso de agressão envolvendo Luiza Brunet e o ex-marido Lírio Parisotto começa a se esclarecer na Justiça.

A atriz Luiza Brunet não pretende acompanhar a audiência do julgamento do seu ex-companheiro, o empresário Lírio Parisotto, acusado de agredi-la duas vezes. A audiência está marcada para acontecer a partir das 14h30m, no Fórum Criminal da Barra Funda, Zona Oeste da capital paulista. Luiza não precisa comparecer ao Fórum, uma vez que já prestou depoimento à juíza Elaine Cristina Monteiro Cavalcante, da Vara do Foro Central da Violência Doméstica e Familiar contra a Mulher. Serão ouvidas duas testemunhas do caso, que faltaram na audiência anterior mas são obrigadas a comparecer. Lírio Parisotto também não é obrigado a ir, mas, se for, poderá se defender da acusação feita pelo Ministério Público.

O empresário é acusado de lesão corporal grave e leve e pode ser condenado de um ano e meio até oito anos de prisão, responsabilizado nos termos da Lei Maria da Penha, que endurece a pena.

A notícia da agressão veio a tona apenas em julho do ano passado.

Segundo o "G1", a fratura de quatro costelas da artista foi comprovada em laudo.

A modelo chegou a entrar com outra ação judicial pedindo o reconhecimento e dissolução de união estável como o empresário, pedindo metade do matrimônio acumulado por ele nos últimos cinco anos (período em que estiveram juntos).