Vogue Paris põe modelo transgénero na capa pela primeira vez

Transexual brasileira faz história na capa da

Transexual brasileira faz história na capa da "Vogue Paris"

"Tão orgulhoso de fotografar a primeira capa da revista Vogue com uma modelo transgênero!".

Valentina Sampaio foi escolhida para ser a capa da edição de Março da Vogue Paris.

"Se Valentina foi confiada à capa da Vogue deste mês, além da evidência das suas qualidades plásticas e do brilho da sua personalidade, é que ela incorpora uma luta contra ela, secular e doloroso, para nunca mais ser vista como uma 'exilada do género' ou uma criatura à parte", avalia Emmanuelle Alt em seu editorial.


A modelo brasileira tem mais de 32.000 seguidores no Instagram.

Valentina Sampaio foi a capa da edição brasileira da revista Elle em outubro do ano passado.

Valentina nasceu em Aquiraz, no Estado brasileiro do Ceará.


Agora, a irmã francesa da Vogue americana permite-lhe subir mais um degrau na sua carreira, ao pô-la na capa da edição de março, com a sua foto acompanhada do título: "Beleza transsexual: como eles estão a agitar o mundo".

Segundo o jornal The Independent, a opção de capa levou o editor da revista francesa a enviar uma mensagem à Vogue norte-americana: "Neste momento estamos a viver num mundo que está a dar passos para trás. Em vez de estarmos numa constante evolução, que é o que devia acontecer com os direitos humanos. eles não estão a ir num bom caminho".

E não bastou ter apenas uma capa!


"Tão orgulhosa e muito feliz!", comemorou a modelo em postagem no Instagram. "Este mês, estamos orgulhosos de celebrar a beleza transgênero com modelos como Valentina Sampaio, que está posando para sua primeira capa da Vogue".