Arsenal perde para o Crystal Palace e pressão sobre Wenger aumenta

Eagles sem piedade de Wenger

Eagles sem piedade de Wenger

Mais uma noite negra para Arsène Wenger no comando técnico do Arsenal.

O pesadelo dos gunners, que sofreram três golos pela quarta vez consecutiva como visitantes, pela primeira vez desde 1929, prosseguiu hoje em Selhurst Park, graças à exibição inspirada dos homens da casa no jogo da 32.ª jornada.

O Palace, que venceu quatro dos seus cinco últimos jogos na liga, começou de forma confiante e abriu o placar quando o ex-meia do Tottenham Hotspur Andros Townsend completou para o gol depois de uma troca de passes inteligente, aos 17 minutos.

A equipe do Crystal Palace permanece 16º, mas agora tem 34 pontos em 31 jogos, seis a mais do que Swansea City, que está na zona de rebaixamento.

O Arsenal é 6.º classificado, com 54 pontos, os mesmos que o Everton.