Ouça a conversa com Michel Temer gravada por sócio da JBS

Queda de Michel Temer - Como Pode Sair e Quem Pode Assumir

Queda de Michel Temer - Como Pode Sair e Quem Pode Assumir

Antes da decisão que derrubou o sigilo, o jornal O Globo antecipou o conteúdo dos depoimentos.

De acordo com informações divulgadas pelo jornal "O Globo" nesta quarta-feira (17), Joesley Batista, um dos donos da JBS, encontrou Temer no dia 7 de março no Palácio do Planalto.

O presidente Michel Temer afirmou na tarde desta quinta-feira (18) no Palácio do Planalto que não teme delação e que não renunciará. Segundo assessores, o material solicitado servirá de base para o pronunciamento a ser feito pelo presidente da República.

Ainda ontem, a Presidência da República divulgou nota na qual informa que o presidente Michel Temer "jamais solicitou pagamentos para obter o silêncio do ex-deputado Eduardo Cunha".

O ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Edson Fachin homologou a delação premiada dos irmãos Joesley Batista e Wesley Batista, donos do grupo JBS, firmada com o Ministério Público Federal (MPF) e abriu inquérito para investigar o presidente Michel Temer.

No áudio divulgado, Joesley fala sobre o procurador ao detalhar sua estratégia de defesa em relação às investigações das operações Sepsis e Greenfield.

Sem citar nominalmente Joesley Batista, da família da controladora da JBS, nem Eduardo Cunha Temer reconheceu ter se reunido com o empresário e ter ouvido dele que estaria ajudando a família de um parlamentar.

Joesley: É, estou segurando os dois.

"Me dedicarei diuturnamente a provar a minha inocência e de meus familiares para resgatar a honra e a dignidade que construí ao longo de meus mais de trinta anos de vida dedicada à política e aos mineiros em especial", dizia um trecho da nota do senador afastado. Ô, se eu der conta, tem o lado bom e o lado ruim. E lá que eu estou para dar conta de trocar o procurador, que está atrás de mim. Após relatar que não conseguiu dormir, o peemedebista disse ter perguntado a Marcela Temer, em uma das noites: "vamos voltar ao Jaburu?"

Aí, rapaz [inaudível], mas os 11 ministros [inaudível] Joesley: Eu, dentro do possível, o máximo que deu ali, zerei tudo. Zerou. Ele foi firme, foi em cima, já estava lá, veio, cobrou, tal. Pronto. Acelerei o passo e tirei da fila. Mas o Geddel com esse negócio eu perdio o contato porque ele virou investigado, agora eu não posso encontrar ele. O que eu mais ou menos consegui fazer até agora: estou de bem com o Eduardo.

O procurador-geral da República, Rodrigo Janot, pediu o afastamento de Ângelo Goulart Villela de suas funções no Ministério Público Federal, determinou também sua exoneração da função de assessor da Procuradoria-Geral Eleitoral junto ao TSE e revogou a designação para atuar na força-tarefa da Operação Greenfield.

Temer: Pode passar por meio dele.