"Via oportunidades onde outros só viam dificuldades" — Américo Amorim

Morreu o empresário Américo Amorim o homem mais rico de Portugal

Morreu o empresário Américo Amorim o homem mais rico de Portugal

"O rei da cortiça", como era conhecido, apresentava problemas de saúde já há algum tempo.

Natural de Mozelos, em Santa Maria da Feira, Américo Ferreira de Amorim nasceu a 21 de Julho de 1934 e cresceu numa família já ligada à indústria da cortiça. Com uma fortuna avaliada em US$4,4 mil milhões de dólares (mais de 12 mil milhões de reais), a morte do empresário, que foi operado seis vezes do coração nos últimos anos e teve apoio médico permanente em casa ao longo dos últimos meses, pegou a família de surpresa de acordo com tabloides portugueses.

A Associação Empresarial de Portugal (AEP) descreveu hoje o empresário Américo Amorim, que morreu esta tarde aos 82 anos, como um exemplo de "inequívoco empreendedorismo" pela afirmação da Corticeira Amorim como principal produtora de cortiça no mundo.

A Galp lamentou hoje o falecimento de Américo Amorim, antigo presidente da entidade, sublinhando o seu legado de "líder ímpar" e definindo-o como um "homem de exceção".