Egipto. Duas turistas mortas à facada em resort, outros quatro ficaram feridos

Duas turistas mortas no Egito em ataque com arma branca

Duas turistas mortas no Egito em ataque com arma branca

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos.

Um ataque a faca deixou pelo menos dois turistas mortos e outros quatro feridos em uma praia à beira do Mar Vermelho, no Egito.

As motivações do agressor, que foi preso após o ataque, ainda não foram reveladas e não há informações sobre uma eventual ligação com grupos extremistas, entre eles o Estado Islâmico (EI) que reivindicou uma série de atentados mortais contras as forças de ordem, turistas e cristãos no Egito. "Ela foi ferida na perna".

O governante diz que o homem terá nadado de uma praia vizinha para atacar os turistas que estavam num resort privado, que teria a sua própria praia, interdita ao público.

As turistas feridas foram transportadas para unidades hospitalares locais. O autor do ataque, que será um homem nos 20 anos, foi detido de imediato e está a ser questionado.

Três homens armados abriram fogo contra uma viatura da polícia antes de fugir, matando um sargento, três recrutas e um policial, segundo o Ministério do Interior.

A polícia acusa Hasam de ser ligado à Irmandade Muçulmana, movimento considerado "terrorista" pelas autoridades egípcias.