Morreu George A. Romero, o "mestre dos mortos-vivos"

George A. Romero, criador de Night Of The Living Dead, morre aos 77 anos

George A. Romero, criador de Night Of The Living Dead, morre aos 77 anos

Ele sofria de um câncer de pulmão. Com orçamento estimado em módicos US$ 114 mil, o longa estrelado por Duane Jones e Judith O'Dea é considerado um dos maiores clássicos cult de horror de todos os tempos, muito elogiado também por ter escalado um ator negro (Jones) no papel principal, fato pouco comum na década de 1960.

"Eu fiz Terra dos Mortos (2005), que foi o maior filme de zumbi que já fiz".

Depois, Romero comandou algumas sequências do filme, e outras produções de terror, o que lhe acometeu o título de mestre do segmento. Ele era conhecido como "o pai dos filmes de zumbi".

Romero serviu como produtor executivo da série de televisão dos anos 80, Tales from the Darkside, e foi também produtor executivo de remakes dos seus filmes, como Night of the Living Dead e The Crazies.

Como o filme foi lançado em meio a explosão da contracultura, alguns chegaram a encarar os zumbis alegoria crítica ao capitalismo -na qual a ameaça zumbi seria o medo que os ricos teriam da massa de excluídos da sociedade.

Nas décadas seguintes, George A. Romero explorou estas temáticas, e sempre com a aterradora figura do zombie no primeiro plano, em títulos como "Zombie: A Maldição dos Mortos-Vivos" (1978) ou "O Dia dos Mortos" (1985). De acordo com a família, ele estava em Nova York na companhia da esposa, Suzanne Desrocher, e a filha, Tina Romero.

Recommended News