Volkswagen T-Roc é lançado oficialmente — Salão de Frankfurt

Divulgação da VOLKSWAGEM					Clique para ampliar

Divulgação da VOLKSWAGEM Clique para ampliar

Além disso, a empresa confirmou que o SUV tem como um dos focos o mercado brasileiro, mas ainda não confirma uma possível data de lançamento ou de fabricação local. O preço da versão de entrada parte de cerca de 20 mil euros (R$ 74.179, em conversão direta). Opção de tração nas quatro rodas 4Motion e transmissão automatizada DSG de sete marchas serão oferecidas para versões específicas do T-Roc, ainda não reveladas pela fabricante.

Mas o que realmente distingue o Volkswagen T-Roc do Golf ou do Tiguan é a possibilidade de personalização através do conceito "bicolor" que permite ao consumidor personalizar o seu veículo escolhendo uma combinação de cores.

Como não podia deixar de ser, o T-Roc apresenta protecções de plástico nos guarda-lamas, que o podem resguardar dos riscos quando circular fora de estrada, mas que sobretudo visam reforçar-lhe o ar de "durão", típico desta classe de modelos. Também será oferecido, na Europa, os pacotes Style e Sport para o T-Roc, sendo que o segundo conta até com bancos esportivos. As luzes diurnas de LED, que também fazem a função de indicador de direção, formam um anel em uma falsa entrada de ar. Já a tecnologia de carregamento de celulares sem fio, por indução, será sempre um item vendido separadamente. O T-Roc atende a essas necessidades com o seu excelente conforto, posição elevada do banco do condutor, sistemas de segurança inovadores, interior flexível, elevado conforto e um design exclusivo de ADN. O T-Roc será lançado em quase todos os principais mercados mundiais. Além disso, chama atenção o quadro de instrumentos digital de 11,7 polegadas, batizado de Active Info Display, mas que será comercializado como opcional nos dois carros. "Versões mais básicas contarão com tela de 6,5".

Com 4,234 metros de comprimento, o T-Roc é 252 mm mais curto do que o Tiguan, o que não o impede de oferecer uma distância entre eixos bastante generosa, para este segmento, com 2,603 metros a separar o eixo da frente do traseiro. Diferentemente do grandalhão Atlas, o T-Roc não conta com espaço para sete pessoas, apenas para cinco passageiros. De acordo com comunicado divulgado pela montadora, sua produção acontece em Portugal e já foi iniciada.

Com base na plataforma MQB A0, adaptada para estes modelos mais compactos, o novo T-Roc junta-se ao Tiguan e Touareg da família de SUV da marca, embora este último deva ser renovado também muito em breve. Além disso, há um friso cromado que parte da base dos retrovisores e segue até a traseira do carro. Além disso, o T-Roc irá reconhecer o condutor e adaptar-se às preferências a nível de climatização e entretenimento. Elas são equivalentes em itens de série, mas contam com itens diferentes para transmitir apelo esportivo ou aventureiro.