Centro de Frankfurt será esvaziado no domingo para desativação de bomba

Alemanha evacua 70 mil pessoas para desativar bomba da 2ª Guerra Mundial

Alemanha evacua 70 mil pessoas para desativar bomba da 2ª Guerra Mundial

Cerca de 60 mil pessoas estão este sábado a deixar as suas casas no bairro de Westend, em Frankfurt, habitado por famílias de classe alta e média alta da cidade, a capital financeira da Alemanha, após ter sido descoberta uma bomba britânica de 1,4 toneladas, lançada durante a II Grande Guerra, entre 1939 e 1945.

A bomba foi descoberta esta terça-feira, durante um trabalho de construção perto do campus da Universidade de Frankfurt.

As autoridades responsáveis pela remoção da bomba explicam que "devido ao tamanho do dispositivo devem ser realizadas medidas de evacuação", apesar de assegurarem que não existirá perigo iminente.

Até o momento, a maior evacuação na Alemanha foi realizada no final de 2016, em Augsburgo, por conta de uma bomba britânica da Segunda Guerra Mundial. Esta é a maior operação do tipo na Alemanha e reunirá bombeiros, polícia e o escritório da ordem pública.

A "Blockbuster" é uma bomba modelo HC 4000 que foi bastante usada pelos britânicos durante o conflito. Apesar se garantir que o artefato não corre risco de explodir, a polícia está está coordenando uma megaoperação para esvaziar a área que concentra uma sede policial, dois hospitais, sistemas de transporte e o banco central alemão, que armazena 70 bilhões de dólares em reservas de ouro.

Mais de 70 anos depois do fim da Segunda Guerra Mundial, continuam a ser descobertas todos os anos bombas, num total que ronda as duas mil toneladas de explosivos não deflagrados.