"A FIFA não pensa nos jogadores" — Modric

Croácia-Kosovo adiado devido à chuva torrencial em Zagreb

Croácia-Kosovo adiado devido à chuva torrencial em Zagreb

O médio, capitão da Croácia, não entende a atitude da FIFA, que anunciou a realização dos restantes 20 minutos desse jogo apenas na manhã deste domingo. No sábado à noite nos disseram que não íamos jogar. Esta manhã tivemos de acordar como no exército porque tínhamos de jogar hoje. É lógico que não nos preparamos adequadamente para o jogo.

"A Fifa voltou a demonstrar que não se importa com os jogadores, só com os jogos". "O importante era que tínhamos de jogar contra a Turquia e não queriam adiar o jogo para quarta-feira", acrescentou o médio do Real Madrid, aludindo ao encontro de terça-feira com os turcos, que se disputará, conforme previsto, pelas 19h45. Vinte minutos que nenhum dos jogadores queria jogar. Pelo menos foi esse o sentimento transmitido por Luka Modric, que após o duelo deste domingo, que a seleção croata venceu por 1-0, deixou duras críticas à FIFA pela forma como geriu todo o processo. Os croatas lideram o Grupo I com 16 pontos, mais dois que a Ucrânia e mais três que a Islândia.