Perímetro de segurança devido a ameaça terrorista — Sagrada Família

Gustau Nacarino  Reuters

Gustau Nacarino Reuters

A Sagrada Família, desenhada pelo arquiteto espanhol Antoni Gaudi, atrai milhões de turistas de todo o mundo anualmente. "Trata-se de um falso alarme", disse a polícia catalã através da mesma rede, que referiu que o veículo não tinha "material perigoso".

"A situação está sendo normalizada".

Cerca das 21:00 locais, os Mossos d'Esquadra haviam publicado a seguinte mensagem: "No âmbito da operação antiterrorista, estamos a inspecionar a área em torno da Sagrada Família".

A circulação no metro de Barcelona esteve afetada, bem como o trânsito entre as ruas de Sardenya, Roselló e Provença.

Segundo o jornal espanhol El País, a operação teve origem num alerta de "baixa credibilidade" recebido pelo Centro de Inteligência contra o Terrorismo e o Crime Organizado espanhol.

Em 17 e 18 de agosto, dois ataques terroristas na Catalunha, em Barcelona e Cambrils, deixaram 16 mortos e mais de cem de feridos.

Espanha mantém o alerta de segurança antiterrorista um nível abaixo do máximo desde meados de 2015.